Testemunhar e anunciar a mensagem cristã, conformando-se com Jesus Cristo. Proclamar a misericórdia de Deus e suas maravilhas a todos os homens.

Páginas

segunda-feira, 30 de maio de 2016

Mês de Maio: Mês de Nossa Senhora


  No mês de maio, de maneira especial, refletimos sobre o modelo de seguimento de Nossa Senhora. Devemos crer sobre Maria em tudo o que nos é proposto pela Igreja como dogma, a saber: sua Imaculada Conceição, sua Maternidade divina, sua Virgindade Perpétua e sua gloriosa Assunção. Todavia não podemos permanecer indiferentes às intervenções de Deus na história por meio das aparições de Nossa Senhora, que vêm para preparar-nos para o futuro dramático que se mostra cada vez mais no horizonte de nossa História. Em Fátima, ela pede a consagração a Deus e ao próprio coração imaculado. E nós terminaremos o mês de maio, como também é tradição louvável, com a entrega confiante da nossa vida a Maria, que em seu viver provou, antes de nós, a força salvífica do Filho redentor.

sexta-feira, 13 de maio de 2016

Maria, Mãe da Igreja e Advogada dos fiéis: Dia de Nossa Senhora de Fátima


  Por ocasião das cerimônias religiosas que têm lugar nestes dias em Fátima, Portugal, em honra da Virgem Mãe de Deus, onde acorrem numerosas multidões de fiéis para venerarem o seu coração maternal e compassivo, desejamos mais uma vez chamar a atenção de todos os filhos da Igreja para o inseparável vínculo que existe entre a maternidade espiritual de Maria e os deveres que têm para com Ela os homens resgatados.

quinta-feira, 12 de maio de 2016

IV Semana Mariana paroquial


  Mais uma vez, com a graça do Senhor e a bênção de Nossa Senhora, iniciamos a Semana Mariana, momento de formação e devoção à Virgem Santíssima. Esta semana é uma oportunidade para avançarmos no entendimento da doutrina católica acerca de Maria e para manifestar nosso amor e veneração à Mãe de Deus.

sábado, 26 de março de 2016

Sábado Santo: espera e vigília


  Hoje é realizada a celebração do Sábado Santo, a Igreja Católica medita sobre a paixão e morte do Senhor, assim como sua descida ao inferno, e espera em oração a sua ressurreição. Realiza-se também a Vigília Pascal que conclui com a Liturgia Eucarística. Durante este dia, é dada atenção especial à Virgem Maria, acompanhando-a em sua solidão, que vela junto ao túmulo de seu Filho amado.

sexta-feira, 25 de março de 2016

Sexta-feira Santa: entrega total no Calvário


  Hoje toda a Igreja Católica se une em penitência, abstinência e jejum para comemorar a Paixão do Senhor. Entre as atividades deste dia, estão a Via Sacra, o Sermão das Sete Palavras de Jesus na Cruz; as procissões com a imagem de Cristo e da sua Mãe Dolorosa, entre outros. Neste dia, a Igreja não celebra a Eucaristia e nenhum sacramento, exceto a Reconciliação e a Unção dos Enfermos. 

quinta-feira, 24 de março de 2016

Quinta-feira Santa


  A Igreja celebra hoje a Quinta-feira Santa. Neste dia, durante a Última Ceia, Jesus instituiu dois sacramentos: a Eucaristia e a Ordem Sacerdotal. Esta data é comemorada pela Igreja com uma eucaristia especial. Nela, o sacerdote lava os pés de doze pessoas que representam os apóstolos, repetindo assim o gesto de Jesus Cristo.  Com esta ação, Jesus transmite a mensagem da caridade, quando diz: “Dei-vos o exemplo, para que façais a mesma coisa que eu fiz”. Dessa forma, o Senhor Jesus dá um testemunho idôneo da vocação ao serviço do mundo e da Igreja que todos os fiéis devem seguir.

Iniciamos hoje o Tríduo Pascal


  A palavra tríduo na prática devocional católica sugere a ideia de preparação. Às vezes nos preparamos para a festa de um santo com três dias de oração em sua honra, ou pedimos uma graça especial mediante um tríduo de preces de intercessão. O tríduo pascal se considerava como três dias de preparação para a festa de Páscoa; compreendia a quinta-feira, a sexta-feira e o sábado da Semana Santa. Era um tríduo da paixão.